Kayka Aramtem: Entre os Palikur-Arukwayene

R$ 78,00

Compre esse livro e receba uma ecobag exclusiva da INM Editora criada especialmente para o mês da cultura indígena.

Brinde exclusivo para a pré-venda

Sinopse: Este livro discute especificamente a Kayka Aramtem (Dança/Festa do Turé) dos Palikur-Arukwayene que habitam o, hoje, estado do Amapá, na Terra Indígena Uaçá. A Kayka Aramtem inteiramente conectada com o calendário, identidade, com o território, a cosmologia, as fases da lua e os demais elementos da natureza. Todavia, essa dança/festa foi silenciada e invisibilizada há mais de três décadas, devido à chegada da educação não indígena, das religiões externas, da influência da cultura da sociedade não indígena e a da conversão dos Palikur-Arukwayene. Esta festa é uma dança de agradecimento, consiste em uma relação expressa de união que produz comunicação entre os ihamwiben (xamãs) arukwayene, os participantes, os dançarinos e os seres invisíveis e visíveis de outros mundos. O propósito é pesquisar, investigar, registrar e documentar a Kayka Aramtem dos Palikur-Arukwayene, desde os preparativos até o encerramento e fazer com que a comunidade aprenda a defender, preservar e registrar o evento. Na coleta de dados, utilizei fontes orais, principalmente das entrevistas com Uwetmin, da aldeia Mawihri, no rio Urucauá e demais velhos/sábios da comunidade.



Descrição

Compre esse livro e receba uma ecobag exclusiva da INM Editora criada especialmente para o mês da cultura indígena.

SUMÁRIO

Prefácio: Kayka Aramten – O realizar de um sonho
Elissandra Barros 21
I. POR QUE ESTUDO O MEU POVO? 28

1.1 Pesquisa etnográfica no rio Arukwa (Urucauá) 39
1.2 Objetivo do trabalho e procedimentos metodológicos
da pesquisa 47
1.3 A importância e contribuições dos sábios
arukwayene: o caso de Uwetmin (Manuel Antônio
dos Santos) 50
II. ENTRE AS INETIT MINIKWAKNENEN/
Histórias dos Tempos Antigos
E INETIT AVIM ININ/
Histórias dos Tempos Atuais
DOS PALIKUR-ARUKWAYENE 58
2.1 Histórico da nação Palikur-Arukwayene 65
2.2 Paricura, Palikur, Parikwene, Arukwayene 70
2.3 Localização dos Palikur-Arukwayene
e das aldeias atuais 75
2.4 Humawkerewka (origem do mundo) e dos
pahakavyenevwi (outros mundos) entre os
Palikur-Arukwayene 81
2.5 A história dos atuais clãs e dos antigos clãs 100
2.6 A Língua Parikwaki 105

III. O UNIVERSO ARUKWAYENE: A Relação dos
Ihamwiben (Xamãs) com os Pahakavyenevwi (os
Mundos Visíveis e Invisíveis) segundo a Cosmovisão
Palikur-Arukwayene do Rio Arukwa (Urucauá) 108
3.1 Kuwerevyene (Mundo superior/mundo
do Uhawkri imortal) 114
3.2 Inugikyene (Mundo dos deuses das chuvas/mundo
das constelações/da lua/do sol e outras estrelas) 114
3.3 O Mikene (Mundo dos invisíveis) 117
3.4 Maywaka (nosso mundo/mundo terrestre) 118
3.5 Niwesawka (Mundo das florestas) 119
3.6 Ahakwaya un (Mundo das águas/subaquática) 120
3.7 Wayhbi (Mundo subterrâneo) 121
3.8 As sabedorias ancestrais e atuais anciãos
Palikur-Arukwayene: a utilização das constelações
astronômicas e períodos da lua como calendário
específico para guiar os arukwayene 122
3.8.1 O Kayeb (dono das chuvas) – de dezembro
a janeiro 129
3.8.2 O Tavara – fevereiro 129
3.8.3 O Wakti – março 131
3.8.4 O Kusuvwi eggutye – abril 133
3.8.5 O Kusuvwi butye – maio 136
3.8.6 O Wayam – agosto 138
3.9 O Calendário alimentar e a atividade econômica
anual do povo Palikur-Arukwayene: os períodos
de cada vegetal, animais, peixes e aves, utilizando a
orientação das constelações 140
3.10 Posições e movimentos da lua: ameremnit
(lua cheia), kayg abutnigit/aytranesa/anusetnihgit
(lua crescente), kayg matikwiye/asirihgit (lua
minguante), kayg amedgemnit (lua nova) e kayg
axwevye (eclipse da lua) 150

IV. KAYKA ARAMTEM
(Dança/Festa do Turé) 154
4.1 Os cantos 160
4.2 O Baribwi (Mastro) 161
4.3 Yamat (Pakará) 166
4.4 Os bancos cerimoniais 167
4.5 Os instrumentos musicais 168
4.6 Yuti kavanyahaki (chapéu/cocar) 173
4.7 Darivwit (potes de cerâmicas) 174
4.8 Wohska/Dahka (caxixi/caxiri) 177
4.9 Ihamwiben arukwayenevwi (Xamãs do rio Urucauá)
e as suas origens 180
4.10 Os maygukyenewi (os karuãna) de outros cosmos/
mundos sobrenaturais 186
4.11 Tawni (árvore xamã) 187
4.12 Organização e Preparativos para a Kayka Aramtem
(Dança/Festa do Turé) 190
4.13 Etnografia da Kayka Aramtem (Dança/Festa
do Turé) 194
V. CONVERSAS PARA NÃO ENCERRAR 200
REFERÊNCIAS 207
Fontes orais 211
Fonte impressa 211
PÓS-ESCRITO
Relatório Figueiredo como Prova de Genocídio,
Massacres e Monstruosidades Perpetradas contra
os Povos Indígenas no Brasil 212
Referências documentais 222

Adonias Guiome Ioiô pertence ao povo Palikur-Arukwayene, é antropólogo, professor de Língua Parikwaki, de Português e de Cultura Arukwayene (Indígena) na Escola Indígena Estadual Moisés Iaparrá, na aldeia Kumenê, Terra Indígena Uaçá, no Oiapoque, no estado do Amapá. Foi supervisor do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação a Docência (PIBID) e orientador dos Saberes Indígena na Escola Palikur e pesquisador do Núcleo Kusuvwi de Estudos Palikur-Arukwayene (NUKEPA). Tendo experiência em projetos de extensão e pesquisa, sempre relacionados com a língua e a cultura do seu povo Palikur-Arukwayene. Atualmente mestre e doutorando em Antropologia pela Universidade Federal do Pará (UFPA) e bolsista Capes; Especializado em Educação Escolar Indígena pela Faculdade de Tecnologia de Macapá (FTA); graduado em Licenciatura Intercultural Indígena, Área de Linguagens e Códigos, pela Universidade Federal doAmapá. (UNIFAP).

Matkuhka: Inin anivwit awna amin Kayka Aramtem gidahankis Arukwayene, ku pariye misakwa avit waxri kewye Uaçá.
Kayka Aramtem in pasamrak akak waxri, ahehtet, ivuhbawaki, inetit amin humawkewka, ahawkanavrik kayg, hawwata akak
madikte amadgayevwi hawkri. Henneme, inin kayka in ka kehkanti akiw, mpana madikwa kamukri akak pohowku arawna,
awaku ku sama nawenyewa ivuhbawaki danuh ta gibetkis Arukwayene. Kayka Aramtem in fet adahan kibeyene hawkri, baksene waxri, ah, ahavwi, kuhivrabdi, puwiknebdi, payak gikakis gidonevekis/gawnasankis maygukenevwi. In kawih hawwata adahan pasamraka/darihwaka gidahankis ihamwiben arukwayene gikakis hiyegviyenevwi maygukenevwi ku pariye misakwa nawanyewa iwetrit kanumka pahakavyenevwi. Inin anivwit adahan iwasene, kannuhwane, tamekne amin Kayka Aramtem, ariwhtak ku sama in kavusaw adahan ahegbataki danute amaksemni. Madikte inin ku pariye tamaka amadga kagta amin Kayka Aramtem nah keh ka ayhisma ayapka gikakis kiyayben arukwayene ku pariye hiyak arakamnika Kayka Aramtem, hawata ku pariye kanuh kehni. – Adonias Guiomê Ioiô

Informação adicional

Peso 0,450 kg
Dimensões 22 × 15 × 1 cm
Autor

Adonias Guiome Ioiô pertence ao povo Palikur-Arukwayene, é antropólogo, professor de Língua Parikwaki, de Português e de Cultura Arukwayene (Indígena) na Escola Indígena Estadual Moisés Iaparrá, na aldeia Kumenê, Terra Indígena Uaçá, no Oiapoque, no estado do Amapá. Foi supervisor do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação a Docência (PIBID) e orientador dos Saberes Indígena na Escola Palikur e pesquisador do Núcleo Kusuvwi de Estudos Palikur-Arukwayene (NUKEPA). Tendo experiência em projetos de extensão e pesquisa, sempre relacionados com a língua e a cultura do seu povo Palikur-Arukwayene. Atualmente mestre e doutorando em Antropologia pela Universidade Federal do Pará (UFPA) e bolsista Capes; Especializado em Educação Escolar Indígena pela Faculdade de Tecnologia de Macapá (FTA); graduado em Licenciatura Intercultural Indígena, Área de Linguagens e Códigos, pela Universidade Federal do Amapá (UNIFAP).

ISBN

9786585823043

Número da Edição

1ª EDIÇÃO – 2024

ACABAMENTO

Brochura

Número de Páginas

224

Idioma

Português e Agradecimentos em Palykur

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.

Você também pode gostar de…